Plantio direto de pastagens: Como funciona e seus benefícios

29/11/2017 10:28

O plantio direto é uma técnica de cultivo baseada na redução das etapas de preparo do solo. Neste sistema, não é feito o preparo convencional do solo, onde são empregadas a aração e a gradagem. O plantio direto é considerado uma técnica de conservação, pois protege o solo contra a ação das gotas de chuva, evita a erosão provocada pelas enxurradas e pelo vento, propicia uma melhor infiltração da água ao solo e contribui para manter a umidade por mais tempo.

O solo é sempre mantido com uma camada de matéria orgânica composta por palhada. Desta forma, é uma técnica que limita o manejo do solo à abertura do sulco de plantio, para aplicação de adubo e semeadura da forrageira.

As etapas para a implantação deste tipo de sistema são as seguintes:

Formação de palhada inicial

A existência de uma cobertura vegetal sobre a superfície do solo é uma característica marcante do sistema de plantio direto. A palhada pode ser formada plantando-se uma forrageira que produza uma quantidade razoável de massa seca, como as gramíneas forrageiras, que tem capacidade de produzir grande volume de matéria seca. Ou então, se for em uma área que já apresenta uma forrageira e deseja-se fazer uma renovação do capim, deve-se adequar a altura da forragem por meio de pastejo ou com roçadeira. Desta forma, facilita-se a aplicação do herbicida que irá dessecar as plantas previamente ao plantio.

Controle químico de plantas invasoras

Podem ser utilizados herbicidas a base de glifosato ou paraquat, que são produtos não seletivos, ou seja, podem controlar diversos tipos de plantas invasoras. Devem ser seguidas as doses recomendadas pelo fabricante em função do nível de infestação de plantas na área. O efeito do controle é obtido cerca de 30 a 60 dias após a aplicação.

Semeadeira específica para plantio direto

Em geral, recomenda-se a regulagem da plantadeira de capim de plantio direto para um espaçamento de plantio entre linhas de 20 a 30 cm. Porém, é comum empregar-se semeadeiras de plantio direto para milho; neste caso, pode-se plantar em espaçamento de 40 cm entre linhas.

Plantio Direto PastagensPara aumentar a eficiência na semeadura, é muito comum realizá-la juntamente com a adubação fosfatada, com o Superfosfato Simples por exemplo. O fósforo é um nutriente essencial para a formação das raízes da planta e tem baixa mobilidade no solo; por isso, é importante que seja colocado próximo à região de crescimento das raízes.

Uma informação muito importante é que, neste caso, o adubo (fosfatado) não é misturado às sementes como é comum no plantio a lanço, realizado com adubadeiras, por exemplo. A plantadeira utilizada deve ter caixa de adubo e caixa de sementes em separado, onde primeiramente o adubo será aplicado no sulco e, posteriormente, as sementes são depositadas sobre o adubo. No caso de sementes revestidas, primeiro aplica-se o adubo, utilizando-se a própria caixa de adubo e, posteriormente, utiliza-se a mesma caixa para aplicação das sementes, considerando que a distribuição é realizada por rotor (rosca sem fim). A semeadura é recomendada a uma profundidade de 0,5 a 2,0 cm, conforme a espécie/cultivar a ser implantada.

São utilizadas plantadeiras específicas para o plantio direto. Elas têm como característica a capacidade de realizar o plantio em áreas onde não foi realizado o preparo convencional do solo e com presença de palhada na superfície. Este tipo de equipamento é capaz de cortar o material vegetal da superfície do solo, abrir o sulco de plantio com mínima remoção do solo e palhada, dosar adequadamente as sementes e adubos, colocar as sementes e adubo em profundidade adequada à regulagem, realizar a cobertura das sementes com o solo e a palhada e compactar o solo ao lado das sementes.

No que se refere à aplicação de herbicidas para dessecação, recomenda-se que seja feita 30 dias antes do plantio do capim, com o intuito de facilitar a entrada da semeadeira na área. Em alguns casos, se houver uma camada muito grande de material vegetal sobre o solo, isto pode levar ao embuchamento da plantadeira e, consequentemente, falhas no plantio. Na tabela abaixo, encontram-se as doses de herbicida recomendadas para cada tipo de capim e o intervalo que deve-se esperar para fazer a semeadura após a aplicação.

Tabela 1. Doses de herbicida glifosato para dessecação dos principais capins e intervalo recomendado entre a aplicação do herbicida e a semeadura da forrageira.

Forrageira Dose do produto comercial (L/ha) Intervalo mínimo (dias)

Brachiaria ruziziensis, B. brizantha cv. Paiaguás, Panicum maximum cv. Aruana

2-3 5 a 20

P. maximum cv. Tamani, Massa e Tanzânia; B. decumbens, B. brizantha cv. Marandu, Xaraés e Piatã

3-4 20 a 30
P. maximum cv. Mombaça e Zuri 4-6 30 a 40

Fonte: Embrapa, 2016.

O sistema de plantio direto de capim é uma alternativa para a renovação de pastagens, principalmente de áreas degradadas, o que é muito comum no Brasil. Tem a vantagem de poder ser aplicado em áreas onde a mecanização é mais difícil e com altas declividades, o que favorece a erosão do solo.

Além disso, é considerado um sistema de produção mais rápido, pois dispensa as etapas de preparação do solo e tem um custo menor com implementos. Também pode ser aplicado por pequenos, médios e grandes pecuaristas. Por fim, é um sistema que tem auxiliado no aumento da eficiência da produção pecuária, no que se refere aos ganhos em produtividade de carne e leite, graças ao aumento da taxa de lotação das áreas de produção.