Panicum Maximum

A história do Panicum Maximum em solos brasileiros é bastante antiga. Essa forrageira veio da África para o nosso país na época da escravidão. A sua primeira cultivar foi o capim colonião, um dos mais conhecidos e utilizados para a formação de pastos. A partir dele, evoluiu-se para outros cultivares, estes superiores em produção, teor de proteína, resistência a pragas e doenças e outros, repercutindo positivamente nos resultados da pecuária nacional.

Características do Panicum Maximum

Destaca-se ainda a excelente palatabilidade, a boa digestibilidade e o ciclo de vegetação perene. Do mesmo modo, o teor nutricional é um ponto muito positivo. Para se ter uma noção, cultivares desta espécie de capim podem atingir teor proteico de 9% a 16% de proteína, de acordo com as condições de cultivo, o que é extremamente relevante para a produção pecuária. Junto a isso, é importante destacar a capacidade produtiva e a fácil adaptação a diversas regiões.

Cultivares do Panicum Maximum

Ao longo do tempo, o aprimoramento do gênero Panicum se estendeu gerando novas cultivares, a exemplo do Massai, Mombaça, Tanzânia, Aruanã, BRS Zuri e a BRS Tamani. Todas são excelentes opções de forragem, mas cada uma possui especificações e características que as qualificam para contextos distintos:

  • Panicum Maximum cv. Mombaça, cv. BRS Tamani e cv. Tanzânia

Capins com elevado teor de proteína.

  • Panicum Maximum cv Massai

Capim com tolerância maior a seca e aos solos de baixa/média fertilidade.

  • Panicum Maximum cv BRS Zuri e cv. Aruanã

Capins com excelente digestibilidade e boa tolerância ao frio (no caso da Aruanã).

Diante disso, a fim de fazer a melhor escolha, é crucial avaliar qual é a sua necessidade e prioridade. A importância da espécie Panicum maximum é reconhecida em todo o mundo, especialmente em regiões tropicais e subtropicais. No Brasil, foi imprescindível para a engorda do gado nos anos 60 até os 80. E, ainda hoje, contribui significativamente para a criação de matrizes com alta performance. Além dos bovinos, os ovinos, caprinos, muares e equinos também podem fazer uso deste capim.

Na Galpão Centro Oeste, temos todas estas cultivares para te atender! Acesse o nosso catálogo de vendas, aproveite os melhores preços e condições de pagamento que você só encontra aqui. Em caso de dúvidas, fique à vontade e envie uma mensagem para atendimento@galpaocentrooeste.com.br ou ligue para (61) 9 8225 3031. Esclareça todas as suas dúvidas com nosso engenheiro agrônomo!

Saiba Mais

Ajustar Direção como Decrescente

8 Item(s)

Ajustar Direção como Decrescente

8 Item(s)

Cadastrar

Inscreva-se para receber novidades e ofertas exclusivas: