Produção de milho verde - Passo a Passo

22/09/2017 12:03

O milho (Zea mays) é um dos cereais mas plantados em todo o mundo devido a sua versatilidade para a alimentação humana, animal e também ser um ingrediente de base para diversas indústrias de alimentos.

Milho “verde” é a denominação popular do milho que tem seus grãos na fase leitosa e que podem ser consumidos “in natura”, após cozimento ou para preparo de especialidades como o curau, pamonha e bolos. É uma excelente opção para o pequeno e médio produtor rural, pois pode ser cultivado em pequenas áreas e, se for irrigado, produzido o ano todo.

Para o plantio do milho para milho verde, o primeiro passo é saber escolher a semente adequada para esta finalidade. É muito importante lembrar que o milho destinado à produção de grãos, muitas vezes, não se adequa à produção de milho verde.

Vejamos algumas opções de cultivares que se destinam à produção de milho verde:

Cultivares de Milho Verde

AG 1051

Milho híbrido, também chamado de milho pamonha 1051, pode ser plantado de norte ao sul do país. Tem excelente durabilidade para ser comercializado em bandejas. Pode ser plantado de outubro a março.

BM3061 

Cultivar híbrida que tem alto potencial produtivo, com espigas cilíndricas e uniformes. Pode ser plantado de setembro a fevereiro em área com irrigação.

BM3066PRO2

Cultivar de milho transgênico, o que confere à planta resistência a diversas pragas como lagarta do cartucho, lagarta elasmo, lagarta rosca. Pode ser cultivado de março a novembro.

Cativerde 02

É uma variedade que requer menor investimento na compra das sementes. Se adapta bem nas diferentes regiões do Brasil e pode ser uma excelente opção para o produtor que vai iniciar a atividade de produção de milho verde.

Produção de milho verde passo a passo

O processo se inicia pela análise de solo. É importante conhecer como estão as condições de onde será plantado o milho e se houver necessidade (geralmente há) deve ser realizada a calagem e adubação na área.

Preparo do solo

O preparo do solo pode ser convencional; em geral, se realiza aplicação de metade da dose de calcário, gradagem pesada, aplicação da outra metade da dose de calcário, gradagem leve e posterior semeadura. Ou então, pode ser realizado o plantio direto, onde não há o revolvimento do solo. O plantio das sementes pode ser feito de forma manual por matracas (mais recomendado para áreas pequenas) ou com semeadeiras adubadeiras, que resultam em maior rendimento na operação para áreas de plantio maiores.

Espaçamento para plantio

O espaçamento para plantio é variável e vai depender da densidade de semeadura. No geral, para milho verde, o espaçamento entre linhas varia de 70 a 100 cm. É considerado um espaçamento maior do que o milho para produção de grãos, permitindo que os colhedores consigam entrar na linhas para fazer a colheita, que é manual. A densidade de plantio diz respeito ao número total de plantas por hectare. Segundo dados da Embrapa, para o milho verde, ela pode variar de 40 a 55 mil plantas/ha; porém, deve ser observado a recomendação da empresa que se adquire a semente de milho. Outra informação importante é que quanto mais se aumenta a densidade de semeadura, menor o número de espigas por planta e menor o tamanho das espigas.

Adubação e calagem

Produção Milho Verde

No que se refere a adubação e calagem para o milho verde, devem ser feitas de acordo com os resultados da análise de solo. Geralmente, a aplicação do calcário é feita de 2 a 3 meses antes do plantio e incorporada a uma profundidade de 20 cm para correção da acidez do solo. No momento do plantio, é feita uma adubação a base de nitrogênio (N), fosfóro (P) e potássio (K), sendo que, nesta etapa, é essencial colocar o fósforo logo abaixo das sementes, pois este nutriente precisa estar próximo das raízes, para ser absorvido, devido a sua baixa mobilidade no solo.

A adubação de cobertura tem a função de fornecer nitrogênio adicional para a planta, já que é um nutriente muito absorvido pela cultura do milho. Esta adubação é feita quando as plantas apresentam de 4 a 8 folhas totalmente expandidas, fase em que mais precisam deste nutriente.

Quantos dias demora para o milho germinar?

As sementes de milho verde demoram de 4 a 7 dias mais ou menos para germinar.

Controle de pragas

Em relação às pragas que atacam o milho verde, a lagarta do cartucho (Spodoptera frugiperda) e a lagarta da espiga (Helicoverpa zea) merecem destaque, pois destroem as plantas ou inviabilizam a comercialização da espiga. Como medidas de controle, podem ser adotadas a rotação de cultura na área de plantio; o uso de controle químico, controle biológico e cultivares transgênicos. O controle biológico é feito com Trichogramma sp, uma vespa que ataca as lagartas provocando sua morte. No caso de milho transgênico, ele já apresenta um gene em sua composição que causa a morte das lagartas quando elas se alimentam da planta.

Para o controle de plantas daninhas, pode ser adotada a capina manual ou mecânica com cultivador cerca de 40 a 50 dias após o plantio do milho verde. O controle químico pode ser em pré ou pós emergência, mas sempre consulte um engenheiro agrônomo para indicar o melhor produto para cada situação.

Irrigação

A produtividade do milho verde é diretamente afetada pela falta de água, resultando em queda na produção e espigas de tamanho pequeno. O agricultor deve considerar o uso de irrigação para garantir uma produção de milho verde o ano todo, sem se preocupar com o período de escassez de água. Podem ser adotados os sistemas de irrigação por aspersão, pivô central ou gotejamento. A irrigação por gotejamento tem um custo relativamente baixo de implantação e é mais eficiente no aproveitamento da água.

Quanto tempo leva para colher milho?

O ponto de colheita é quando os grãos apresentam-se leitosos, o que ocorre cerca de 20 a 25 dias após a emissão do pendão do milho.

O milho verde pode ser uma alternativa bastante rentável para o produtor, pois existe uma demanda do mercado o ano todo para este produto. Deve-se atentar para todas as etapas do plantio até a colheita, garantindo a produção de espigas saudáveis e com qualidade comercial, ou seja, características que atendam as expectativas do consumidor final.

Para adquirir sementes de milho verde, clique aqui.