Sementes de Milho Transgênico

As sementes de milho transgênicas são obtidas a partir da transferência de genes que representam características de interesse. Esta transferência pode ser feita inclusive de indivíduos de outras espécies. A proposta, com isso, é obter um material com características previamente definidas. No Brasil, o objetivo principal, pensando-se na cultura do milho, é a obtenção de materiais resistentes às principais lagartas do milho e também ao uso de herbicidas.

Um dos destaques no Brasil, no que se refere ao desenvolvimento de milhos transgênicos, é a introdução de genes da bactéria Bacillus thuringiensis no milho. Com estes genes a planta de milho é capaz de produzir uma proteína tóxica letal a insetos lepdópteros (lagartas) que atacam a cultura do milho, reduzindo de forma significativa o custo de produção da cultura devido a economia, no que se refere a compra de defensivos, impactando também na produtividade da cultura e consequentemente em sua rentabilidade.

Resistência ao Glifosato e Glifosinato de Amônia

Além dos milhos Bt, como são chamados os milhos transgênicos com a tecnologia comentada no parágrafo anterior, há também opções de transgênicos que podem ter outras tecnologias adicionais, como a RR e a Powercore (PW), que conferem às plantas de milho resistência ao uso de herbicidas específicos, como o Glifosato e o Glufosinato de Amônia.

As principais tecnologias registradas mais difundidas para a cultura do milho, que envolvem resistência às principais lagartas e ao uso de herbicidas são:

VT PRO Yieldgard

Esta tecnologia promove o controle das três principais lagartas que atacam o milho: lagarta do cartucho, broca do colmo e lagarta da espiga; com isto, atingi-se maior potencial produtivo e consequentemente maior rentabilidade. O tamanho da área de refúgio que deve ser plantada pelo produtor corresponde a 10% da área a ser formada.

VT PRO 2

Tecnologia que combina a tolerância ao uso do herbicida glifosato e o controle da lagarta do cartucho, lagarta da espiga e da broca do colmo. Também é exigido o plantio de área de refúgio que corresponda a 10 % da área total destinada ao plantio.

POWERCORE (PW)

Aqui temos a combinação de três proteínas inseticidas que propiciam o controle de maior quantidade de espécies de lagartas que atacam o milho, no caso a lagarta do cartucho, broca do colmo, lagarta da espiga, lagarta elasmo, lagarta rosca e lagarta das vagens; além disso, confere tolerância ao uso de herbicidas, do tipo Glifosato e Glufosinato de amônio. Também neste caso, é recomendado a formação de área de refúgio equivalente a 10% da área total formada com o milho com esta tecnologia.

A Galpão Centro-Oeste oferece diversas opções de sementes de milho transgênico (inclusive para silagem) das principais marcas do mercado. Sementes certificadas, com garantia de pureza e germinação. Convidamos você a acessar o nosso catálogo de vendas e conhecer detalhadamente cada material que oferecemos. Aproveite e confira os melhores preços e condições de pagamento!

Tem alguma dúvida? Entre em contato conosco através do e-mail atendimento@galpaocentrooeste.com.br ou ligue para (61) 9 8225 3031. Plante certo, esclareça todas as suas duvidas com nosso engenheiro agrônomo.

Saiba Mais

Ajustar Direção como Decrescente

9 Item(s)

Ajustar Direção como Decrescente

9 Item(s)

Cadastrar

Inscreva-se para receber novidades e ofertas exclusivas: