Galpão Centro Oeste Galpão Centro Oeste Galpão Centro Oeste

whatsapp (61) 99955-8219
telefone (61) 3436-0030
Seu carrinho está vazio
Navegue por nossa loja e encha seu carrinho com as melhores ofertas!
Mais Visões
Ref.: MATSUDA1

Sementes CAPIM ELEFANTE PARAISO VC 25% - Saco 08 kg

Por: R$512,20
Pagando com Depósito Bancário R$486,59
3x de R$170,73 sem juros
Consulte o parcelamento
  • 1x de R$512,20
    sem juros
  • 2x de R$256,10
    sem juros
  • 3x de R$170,73
    sem juros
ok + -
Por: R$512,20
Pagando com Depósito Bancário R$486,59
3x de R$170,73 sem juros
ok + -
Calcule o frete
Detalhes do Produto

PRODUÇÃO DE FORRAGEM

A produção de forragem do capim elefante Paraíso varia em função da idade da planta.

Rendimento Forrageiro:

Formação com 35 dias de idade: 5,2t/ha de matéria seca, com cerca de 19,2% de proteína bruta e digestibilidade de 66,5%.

Formação com 105 dias de idade: 14,5 t/ha de matéria seca por cada corte, mas o teor de proteína abaixa para 10,2% e a digestibilidade para 58,5%.

Com o passar do tempo o valor nutritivo das plantas, ou seja, o valor nutritivo é reduzido conforme a formação atinja maior idade ou tempo de implantação. Desta forma recomenda-se que os cortes sejam realizados para a produção de silagem quando a formação estiver com idade a aproximada de 100 dias, assim alia-se produção, qualidade proteica e digestibilidade adequada.

Com uma boa fertilização e irrigação, pode-se obter de 4 a 5 cortes por ano, com uma produção de forragem total de 210 t/ha/ano de matéria verde. O primero corte sempre deve ser feito em torno de 90 dias depois da germinação das sementes, para obter o enraizamento satisfatório.

MANEJO DA PASTAGEM

PASTO DE CORTE - FORRAGEM VERDE PICADA:

Os cortes no capim elefante Paraíso devem iniciar quando as plantas estiverem bem estabelecidas, com um bom desenvolvimento do sistema radicular, isso deverá ocorrer cerca de 90 a 100 dias depois da germinação das sementes.

Depois deste primeiro corte é importante a adubação de manutenção, ou seja, a aplicação de pelo menos 80 kg/ha de nitrogênio e 160 kg/ha de KCl a cada 20t de forragem verde produzida. Esta adubação deverá ocorrer durante o período chuvoso.

Após este primeiro corte os seguintes serão realizados em intervalos de 70 dias aproximadamente. Estes cortes dependem exclusivamente do fator climático (luz, temperatura e água). A adubação de manutenção / cobertura poderá ser dividida a cada corte.

PASTO DE CORTE - PARA ENSILAGEM

Igual que a recomendação anterior, o primeiro corte deverá ser feito após 90 a 100 dias da germinação das sementes e depois em intervalos de 70 dias aproximadamente.

A adubação de manutenção deve ser a mesma que foi recomendada anteriormente e nas mesmas condições.

A altura de corte das plantas do cultivar Paraíso deve ser em torno de 30 a 40 cm do solo. Esta altura é a que mais favorece a rebrota do capim.

O corte para silagem deverá ser o menor possível, sendo 2 a 3 cm o recomendado, pois isso facilita o processo de compactação, que é um dos segredos de sucesso na confecção de silagem de forrageira. Para melhorar a qualidade da silagem recomendamos o uso de aditivos que auxiliam no processo de fermentação e diminuem os riscos durante o processo de confecção. O problema consiste na baixa porcentagem de matéria seca das pastagens. A outra opção é utilizar produtos que absorvem a umidade e aumentam a porcentagem de matéria seca, como são os casos de farelos de milho, farelo de soja ou de qualquer outro grão.

PASTEJO DIRETO

No caso de pastejo direto a recomendação é a mesma, isto é, devemos colocar os animais quando as plantas já estiverem devidamente fixadas no solo, com um bom desenvolvimento do sistema radicular. A partir de 90 dias da germinação das sementes já podemos averiguar a possibilidade de colocar os animais para pastejo. É importante que o pastejo seja de forma intensiva, onde o pasto tenha um período de 1 a 5 dias de pastejo e outro período de 30 a 35 dias de descanso. Estes dias podem variar, tanto nos dias de uso como nos dias de descanso, dependendo sempre do fator climático e do nível de fertilidade do solo. Por isso é importante também a adubação de manutenção conforme já citado anteriormente.

Avaliações de Clientes
Fechar
Resumo
Avaliações

Este produto ainda não foi avaliado.

Seja o primeiro!

Faça sua avaliação
Você está avaliando: Sementes CAPIM ELEFANTE PARAISO VC 25% - Saco 08 kg
Informações Adicionais

Informações Adicionais

Espécie Hibrido Pennisetum glaucum x Pennisetum glaucum
Padrão Convencional
Valor Cultural 25
Quilogramas por hectare 12
Hábito de Crescimento Cespitoso (Ereto)
Exigência em Fertilidade de solo Alta
Tolerância ao Frio Alta
Tolerância a Seca Média
Tolerância ao Encharcamento Baixa
Tolerância a Umidade de Solo Baixa
Proteina Bruta na Matéria Seca (%) - Potencial 8% no inverno e 18% no verão
Produção Matéria Seca (ton/ha/ano) 30 a 50
Utilização Pastejo direto, silagem e forragem verde picada
Animais Bovinos
Profundidade de plantio (cm) 1
Altura de Entrada/Saída (cm) - Pastejo Contínuo 90 a 100 dias após a germinação. Altura de corte: 20 a 50cm de altura. Quanto mais alto melhor por conta da melhoria da rebrota.
Nome da categoria Capim para gado > Integração Lavoura Pecuária > Capim para Feno > Sementes de Brachiaria > Capim para Silagem > Sementes de Capim