Agro e Jardim

O Estilosantes Campo Grande é uma mistura física de duas espécies do gênero Stylosanthes, encontrados principalmente na região do cerrado brasileiro, no caso o Stylosanthes macrocephala e o Stylosanthes capitata, estando presente no mercado desde o ano 2000. Com baixa exigência em fertilidade do solo, se adapta muito bem a solos ácidos e arenosos.

É uma planta leguminosa que possui ótimas características nutritivas, como teor de proteína bruta (PB) variando de 13 a 18%, sendo que as folhas podem chegar a apresentar teores de até 22% de PB na época das águas.

O Estilosantes apresenta bom desenvolvimento em regiões de clima quente e úmido, onde a quantidade de chuvas pode chegar até 1800 mm/ano. Se adapta muito bem às condições do cerrado brasileiro. No entanto, seu desenvolvimento é prejudicado em áreas onde ocorrem geadas, ou ainda que apresentem solos úmidos ou encharcados, ou com teor de argila acima de 35%.

Os melhores resultados obtidos com o Estilosantes Campos Grande em termos de aumento de produção, quando falamos em carne e leite, advém do plantio consorciado com gramíneas do gênero Brachiaria. Neste sistema de plantio, é comprovado que há uma melhoria significativa no teor protéico e no crescimento vegetativo da Brachiaria consorciada com o Estilosantes, isto porque nestas áreas consorciadas, o nitrogênio depositado no solo é superior 50% a 70%, se compararmos com áreas formadas apenas com a Brachiaria.

O consórcio é benéfico pois a leguminosa tem a capacidade de fazer a fixação biológica do nitrogênio, melhorando a fertilidade do solo e assim favorecendo o crescimento da braquiária ou outra gramínea que seja utilizada no consórcio. Entre outras vantagens do consórcio destacam-se: o ganho em capacidade de suporte da pastagem e a economia em adubação de cobertura, pensando-se em adubação nitrogenada.

O Estilosantes Campo Grande, através de técnica adequada, também pode ser introduzido em áreas onde já exista uma gramínea plantada. A taxa de semeadura geralmente empregada é de 2,0 a 3,0 kg/ha, também nas áreas onde a gramínea já estiver instalada. No caso de formação de pastagem consorciada, a quantidade de sementes da gramínea deve ser de 20% a 30% a menor do que se fosse plantada sozinha. As gramíneas mais adequadas para plantio consorciado com Estilosantes são as do gênero Brachiaria, Panicum e Andropogon. A semeadura pode ser feita a lanço misturando-se as sementes do estilosantes com a da gramínea, e solo devidamente preparado e nivelado, tendo-se muito cuidado com relação à cobertura das sementes. Como as sementes do estilosantes são muito pequenas, recomenda-se cobrir as sementes a no máximo 1 cm de profundidade.

O Estilosantes Campo Grande também pode ser explorado como banco de proteína. Neste sistema, a leguminosa é plantada em uma área em separado, é o que chamamos de plantio solteiro, utilizando-se uma taxa de semeadura de 05 a 06 kg / ha. Nestas áreas, o manejo deve ser cuidadoso, devido a grande quantidade de fibras recomenda-se que os animais permaneçam no piquete por no máximo 2 horas, quando então deverão ser realocados para outro piquete com uma espécie gramínea. Neste sistema, o Estilosantes Campo Grande produz de 8 a 14 toneladas/ha/ano de matéria seca.

Saiba Mais

Ajustar Direção como Decrescente

1-60 de 196

Ajustar Direção como Decrescente

1-60 de 196

Cadastrar

Inscreva-se para receber novidades e ofertas exclusivas: